Oi, tudo bem? Pode me chamar de Yuni ou de Jon. Tenho 14 anos, moro no Rio Grande do Sul e sou uma otaku sem vida social que passa tipo 100% do tempo pesquisando e escrevendo sobre shipps 2D *gay cof cof*. Eu também tenho uma vida meio bizarra e algumas dessas bizarrices vieram parar na internet (porque hoje em dia literalmente tudo vira motivo pra aparecer na internet), e esse é meu blog pessoal, o Folk Potato. Se quiser me ver passando vergonha, basta abrir qualquer uma das postagens e aproveitar.

My Blog

  • Nome: Folk Potato (você pode chamar ele só de Folk)
  • Aniversário: 11/03
  • Blogueira: Yunikon
  • Leitores: Primos/Parentada
O Folk Potato é um blog bem simples e genérico. Poupando todo o papo furado: É um porta-trecos onde falo de acontecimentos do meu cotidiano, de coisas que ando conhecendo e recomendo. Essa vontade provavelmente surgiu por eu ser bem fã de falar (principalmente sozinha) e não ser muito sociável. Isso se descontarmos a vontade que sempre tive de ter um blog, que é uma coisa que marca bastante minha infância (quando eu tinha sete anos, minha irmã tinha um blog e sempre quis um também). O nome Folk Potato é a combinação de folk, um gênero musical que amo muito com potato, que além de ser uma das minhas comidas favoritas, é também uma das palavras com que mais me identifico (afinal, quem nunca disse "Mãe, eu pareço uma batata"?). E o blog está aí, desde 11 de março de 2017, para prosperar pelo máximo de tempo possível.
Onigiri quase Prédio